Oração de Santa Edwiges

Ó Santa Edwiges, na corte poderíeis ter uma vida cheia de privilégios materiais. No entanto, renunciando às honras e pompas tão transitórias, descobristes o único necessário: “Ser serva de Deus em todas as circunstâncias.” Na verdade, Ó Santa Edwiges, fostes uma boa esposa, mãe modelo de sete filhos, viúva e religiosa exemplar. Do mesmo modo que o vosso espírito de fidelidade vos direcionava sempre para Deus, vossa caridade operante inclinara-se para o próximo, distribuindo com liberalidade esmolas aos indigentes, aos conventos, às viúvas, aos órfãos, doentes, fracos, leprosos, presos, peregrinos, às mulheres pobres que amamentavam os filhinhos. Assim a todos socorrestes e absolutamente a ninguém, que viesse em busca de auxílio, permitistes sair sem conforto. E porque nunca descuidastes de exercer todas as boas obras a seu alcance, Deus vos concedeu também esta graça: mesmo humanamente impossibilitada de agir e sem nada poder fazer com as próprias forças, por virtude divina da paixão de Cristo, conseguistes realizar aquilo que as súplicas do próximo em necessidade vos pediam. Por isto, aos que a vós recorriam tanto nas dificuldades do corpo, quanto do espírito, tivestes o poder de ajudar, segundo o bem querer divino. Ó Santa Edwiges, volvei agora, lá do céu, um olhar benigno a mim, a nós (pausa). Alcançai-nos da bondade de Deus a graça de vencermos as adversidades que estamos sofrendo e as que nos sobrevierem. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.